quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Karma por cunha

No mundo existem dois tipos de retorno cósmico, reconhecidos de modo generalista como Karma. Quando divididos em categorias, há o karma e o componente cósmico sádico e irónico que conseguiu o trabalho como karma por ser filho do Presidente da Junta Cósmica. Nasci numa bela noite de Verão estrelada em que ia dar na televisão o filme Quo Vadis, que a minha mãe esperava ansiosamente ver. Como amante de cinema desde o ventre, decidi partilhar o momento cinematográfico com a minha progenitora e sair a tempo da segunda parte. Escusado será dizer que a televisão não estava ligada e que ela me deve ter rogado uma praga subtil entre dentes por ter perdido o filme. Fiquei entalada para a vida com uma Copa B medíocre e um karma sem qualificações graças ao Império Romano.

Considero-me uma pessoa forte e determinada (adjectivos dignos de uma entrevista de trabalho, quando na realidade só sou teimosa para burro), mas há dias que só nos apetece cumprimentar a nossa entidade patronal com uma serra eléctrica e oferecer abraços e vouchers de desconto nos serviços de primeiros socorros do centro de saúde local aos nossos colegas de trabalho. Pareço sempre bem e disposta a dar o meu melhor, mas há dias que por dentro só me apetecia rebolar na cama e fazer sons de foca moribunda.

Querido karma, dá-me uma abébia que estou cansada de estar a trabalhar durante o dia, pareço um gnu de olhos inchados e sem maquilhagem, e de estar sempre a tropeçar em rasteiras tuas. Acho que no mínimo me deves algum prémio de mérito por todas as crianças que me empurraram ou tentaram dar beijinhos em pequena e eu não as esmurrei. Hoje em dia esmurro, por isso estamos quites no resto. Mas dormir era porreiro e não ter vinte novelas mexicanas de baixo orçamento a decorrerem no mesmo período de tempo na minha vida seria agradável. Obrigado.

13 comentários:

  1. O Karma é tramado e está a dar-te que fazer

    ResponderEliminar
  2. Fico à espera que o karma te dê algum descanso. ;)
    beijinho

    ResponderEliminar
  3. Mais do que karma, às vezes são fases. a vida há-se recompensar-te. Se não, recompensa-te tu, com pequenos mimos que gostes :)

    ResponderEliminar
  4. Deixa-me adivinhar: chamas-te "Prima Máxima"? ;=

    ResponderEliminar
  5. Isto de se responsabilizar as mães por se ter copa b é, antes de mais, injusto, porque até se costuma dizer que: "sai ao pai". Nada que silicone não resolva, para quem acredita em mentiras..
    Muito pior estão aquelas cujo karma lhes determinou a condição de anencéfalas,
    É que, a faltar qualquer coisa, antes por fora do que por dentro. Opiniões, claro.


    ResponderEliminar
  6. Enquanto te lia, lembrava-me que o Karma dá mesmo bastante que fazer ao cidadão comum. Ao que não esbofeteando quem lhe importuna, não deixa de viver um trajecto um tanto infértil, enquanto é abalroado por um sem número de inconvenientes. Por certo, a maioria com muito menos humor e diversidade de adjectivos que tu. A última, apenas, por um ensejo do Karma :)

    ResponderEliminar
  7. Nada de acreditar no Karma , isso é uma invenção dos indianos que querem tramar a cultura herdada do período helénico.

    ResponderEliminar
  8. Karma é ou era uma discoteca aqui da zona.
    Quo Vadis também é um Bar aqui perto.
    Este post continha alguma mensagem subliminar? É para ir para os copos?
    Siga.

    ResponderEliminar
  9. sabes aquela frase: deus dai-me paciencia porque se me dás força parto-lhes... também sinto isso

    ResponderEliminar
  10. Isto é um passa ao outro e não ao mesmo :)
    Deixei-te um desafio no meu blog.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  11. No filme, se bem me lembro, quando um grupo de cristãos entra a rezar na arena, antes de ser executado, Nero exclama eufórico: eles estão a cantar!

    Ou seja, antes teimosa para burro que ter o carácter asinino de algumas entidades patronais.

    ResponderEliminar
  12. Espero que não tenhas falecido de emoção por estares a trabalhar no estrangeiro. Espero que seja só por os novos patrões não te deixarem ter acesso à net. Ou por o próprio País onde estás não ter essa facilidade. Pronto.

    ResponderEliminar
  13. De facto nunca tinha relacionado o karma à copa LOL

    ResponderEliminar